terça-feira, 7 de janeiro de 2014

Dica de Livro - Personal Branding: Construindo sua marca Pessoal

Ganhei esse livro no final do ano, e fui surpreendido positivamente. Parecia um daqueles livros que só iria falar de coisas óbvias, ainda que muitas vezes seja importante deixar o óbvio bem claro...mas não foi.

O título já deixa bem definido o assunto, Personal Branding. Confesso que nunca tinha ouvido falar nesse termo. Logo me veio o primeiro questionamento: bom, se isso é algo que existe, será que esse autor sabe do que está falando? E assim como veio a pergunta, a resposta já estava ali na capa do livro, um pequeno círculo amarelo posicionado ao lado do nome do autor, com os dizeres "um dos maiores especialistas em estratégias de marcas no Brasil". E aí, será mesmo? Também nunca tinha ouvido falar no nome do autor.

E aí que trataram logo de ir respondendo mais essa numa das orelhas da capa. Sim, eu acabo de descobrir que aquelas partes que trazem mais informações sobre o livro e sobre o autor, que normalmente a gente usa como marcadores de páginas, se chamam orelhas da capa, vivendo e aprendendo.

Arthur Bender é especialista em estratégia de marcas, é publicitário e tem mais de 25 anos de experiência. Com isso iniciei a leitura mais tranquilo de que não estaria fazendo um mal investimento do meu tempo.

Agora que já tinha dado um crédito pro livro, o que é esse tal de Personal Branding afinal? É controlar a gestão da sua marca.

Provavelmente muita gente que vai ler esse post vai se dizer que algum dia na vida já pensou em como todo mundo julga os outros pelas aparências, principalmente no Brasil. É muito provável que inconscientemente todos nós, ou a grande maioria, já façamos um pouco de personal branding no dia a dia, mas a verdade é que é um conceito e que tem muito mais por trás de cuidar da sua imagem de marca e de criar uma reputação.

Tá, mas e por que o livro é tão interessante?

Porque justamente ele faz com que a gente se faça uma série de questionamentos durante toda a leitura. Onde se quer chegar? Como os outros nos percebem? Que sinais a gente emite?...Coisas como carro ou a mesa de trabalho podem emitir muitos sinais, pode ser um carrão importado que passe prestígio, ou pode ser um carro popular mas bem cuidado, ou pode ser um bom carro que está sempre sujo e cheio de tralhas dentro...tudo pode emitir sinais da nossa marca. A sua mesa pode ser cheia de bonecos, pode ter plantas, pode ser metodicamente organizada. Pode ter plantas mas as plantas sempre acabam morrendo por falta de cuidado...e aí? Como os outros podem interpretar isso?

Como definir os nossos objetivos? Pensar no curto e longo prazo e nas diferentes áreas da nossa vida. Que tipo de investimento estamos fazendo a curto e longo prazo na nossa marca pessoal e na nossa carreira? Como podemos buscar fazer a diferença?

Além disso, junto com as perguntas, traz também ferramentas, técnicas, dicas e sugestões pra que se alcancem as respostas de algumas dessas perguntas. Ao ler alguns capítulos dá vontade de sair anotando algumas coisas, pra colocar em prática assim que possível. Questionar colegas, amigos, familiares, tentar avaliar o que percebem da gente.

O livro tem 270 páginas de um texto fácil e agradável. Foi uma ótima leitura para iniciar 2014 e por isso eu recomendo!

O Arthur Bender tem um blog, podem acessar aqui: http://www.blogarthurbender.blogspot.com.br

Não vou deixar de fazer uma pequena crítica construtiva, e assim talvez vocês que já leram ou que se interessem por ler podem voltar aqui e deixar um comentário também depois sobre o que acharam do livro. Eu senti que faltou um capítulo sobre como encarar situações negativas para a sua imagem pessoal. Acredito que vai fazer parte do caminho de todo mundo ao criar a sua imagem, passar por alguma situação onde a sua imagem possa ser arranhada de certa forma, e nessa situação, o que fazer? Será que sai um capítulo adicional na próxima edição? Um capítulo grátis em forma de post no blog? Um novo livro só com esse assunto?

Além disso, deixei pra acessar o blog só depois de terminar a leitura. Confesso que criei uma certa expectativa ao ler o livro, de que o blog teria mais conteúdo que pudesse ser usado para trabalhar na sua marca pessoal, como modelos de questionários por exemplo, algo nessa linha. Fica aqui essa sugestão.

Se algum conhecido quiser o livro emprestado, só pedir!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se for uma pergunta, tem certeza que a resposta não está no texto?